Destaquesdo site

Luxo, luxo e mais luxo

Luxo, luxo e mais luxo

 

 

No “ estacionamento” do condomínio. 

Marina privada dos moradores da The Pearl, ilha aterrada que custou mais de US$ 150 bilhões.

 

Doha, capital do Qatar, tem se tornado um destino disputado nos últimos anos. Isso porque além de estar estrategicamente posicionada no Oriente Médio servindo de escala para vários países, é a base da poderosa companhia aérea Qatar Airways, por três anos considerada a melhor empresa aérea mundial.

praia

 

Para que se sujar com areia?

Barraca de praia na Katara Beach, com direito a ar condicionado e serviço de restaurante. 

 

O pais é dono da terceira maior reserva de gás natural do mundo e maior exportador de gás liquefeito, o que o torna um país muito, mas muito rico. E aí que entra o luxo!!

 

Leilão de placas 2016, a placa 9999 (o carro não estava a venda)  foi a segunda com lance mais alto e arrematada por 3 milhões de reais

Leilão de placas 2016, a placa 9999 (o carro não estava a venda) foi a segunda com lance mais alto e arrematada por 3 milhões de reais

 


Há pouco mais de 70 anos o Qatar descobria o ouro negro, até então era um país pobre que vivia de pesca e da extração de pérolas. De lá para cá as novas gerações passaram a descobrir do que o dinheiro é capaz

 

Lamborghini Aventador LP 700-4 US$ 320 mi

Lamborghini Aventador LP 700-4 US$ 320 mi

 

 

A cidade abriga cinco das maiores universidades americanas, redes de hotéis e Spas famosos, filial das maiores grifes de moda, um hospital somente para falcões, um dos Haras mais importantes do mundo e isso é só o começo. O país está adquirindo patrimônios  mundo a fora, como por exemplo, a famosa loja de departamentos Harrods, a grife Valentino, a Vila Olímpica em Londres, o banco Belga KBC e por aí vai.

 

 

Se foto tivesse cheiro você iria perguntar: onde está o cheiro de esterco?  Luxo dos estábulos do Haras Al Shaqab pertencente à família real.

Se foto tivesse cheiro você iria perguntar: onde está o cheiro de esterco?
Luxo dos estábulos do Haras Al Shaqab pertencente à família real.

 

 

Quando você circula por Doha percebe que qualquer ideia que tenha sobre ser rico está errada e pequena para os parâmetros da cidade.

Carros caros circulando, iates gigantes, joalherias, grifes…tudo pode ser exibido por aqui e com a maior naturalidade pois o pais é praticamente 100% seguro.

 

Joias são o artigo de luxo preferido das mulheres no Catar.  Isso porque em caso de divórcio não existe divisão de bens, elas ficam “apenas” com as joias compradas durante o casamento.

Joias são o artigo de luxo preferido das mulheres no Qatar.
Isso porque em caso de divórcio não existe divisão de bens, elas ficam “apenas” com as joias compradas durante o casamento.

 

Mas esse luxo todo é reservado para os Qataris, como o povo local é chamado.

Nós expatriados estamos aqui para trabalhar. Viemos ajudar a construir o país. A maioria dos contratos oferece além do salário, casa, carro, escola e plano de saúde. Isso nos torna confortáveis  comparado aos contratos brasileiros porque temos qualidade de vida e segurança. Mas não nos torna ricos , ao contrário do que muitos brasileiros imaginam que acontece com quem sai do país.

A maioria dos pontos turísticos não cobram ingresso, os estacionamentos são gratuitos, ou seja, fazer turismo em Doha não é caro.

 

Do joalheiro russo Peter Carl Fabergé pela bagatela de US$250 mil

Do joalheiro russo Peter Carl Fabergé pela bagatela de US$250 mil

 

Mas aquele Maseratti ou esse relógio Fabergé, ah esses luxos são para poucos.

 

doce com folha de ouro

 

Essa é uma das ostentações de Doha que cabe no bolso dos “normais”.

Doce com folha de ouro da confeitaria francesa Fauchon, ícone na França desde 1886, com três filiais em Doha.

@turistandoemdoha te espera por aqui para te mostrar muito mais.

Nos siga nas redes sociais para saber mais sobre o país da Copa do Mundo 2022.

Leila Martínez

https://www.facebook.com/turistandoemdoha/

Instagram @turistandoemdoha

Related articles

  • Ramadan

    Qatar é apenas um dos 50 países onde o islãmismo é a religião predominante. Aqui, a fé muçulmana está em toda parte. As pessoas vivem e respiram a religião, por isso, quando chega o Ramadan, os hábitos de todo o país são afetados.   Você sabe o que é Ramadan?   Ramadan é o nono […]

  • O atacante Grafite

    Além de divulgar os eventos culturais e esportivos do Qatar também vamos trazer notícias dos profissionais que estão trabalhando no país. Para começar essa série de reportagens o nosso primeiro entrevistado é um dos grandes nomes do futebol brasileiro e mundial: o atacante Grafite. Ele é um daqueles jogadores que por onde passa é querido […]

Patrícia Lopes

Patricia Lopes is a sports journalist, currently working as the BeIN Sports channel correspondent in Brazil. She took part in several international coverages and two world cups. The first in 2010 in South Africa, and the second in 2014, in Brazil. Patricia has previously worked for the following channels: Rede Brasil-TVE (Brazilian public TV) where she worked for nine years as a reporter, presenter and sports commentator. After that she spent 7 years at ESPN. She has also worked freelance for other famous news channels in the world: Al Jazeera, CNN EN Español and NBC Telemundo